Você está aqui: HomeNotícias › Notícia completa
14/09/2018 às 09:24
Eco101 e Ufes usam tecnologia para aumentar durabilidade do asfalto

Uma pesquisa desenvolvida em parceria entre a Eco101 e o Departamento de Geotecnia e Pavimentação da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) trará ganhos para o meio ambiente e ajudará no acompanhamento da durabilidade do asfalto da BR-101. Resultado da aplicação de recursos para o desenvolvimento tecnológico, previstos no contrato de concessão, a pesquisa tem dois anos de duração e recebeu investimentos da ordem de R$ 2,8 milhões.

 

Com isso, foi possível desenvolver um simulador, implantado às margens da BR-101, no Km 363,9, em Anchieta, no Sul do Estado, que mostrará o desgaste do pavimento de forma acelerada, contribuindo para análise e para a sua conservação e manutenção. Após o término da pesquisa, todos os resultados serão apresentados à ANTT e ficarão à disposição do público em geral através do site da Agência.

 

Existem apenas dois equipamentos desse tipo no país, atualmente. Ele simula, durante 24 horas, um trecho real da rodovia, analisando as condições de desgaste natural da pista de forma acelerada, a partir de um eixo que se desloca continuamente, como se fosse um veículo trafegando. Dessa forma, em três meses é possível simular o tráfego de dez anos na rodovia, facilitando a busca de soluções de melhor qualidade e a comprovação da resistência de materiais utilizados na pavimentação da rodovia.

 

O coordenador de obras da Eco101, Guilherme Sampaio, afirma que a pesquisa em andamento possui quatro pistas experimentais – construídas com diferentes materiais, sendo que uma delas contém na composição a “escória de dessulfuração”, resíduo produzido pelas siderúrgicas locais.

Veja mais sobre Cidades [+ notícias]

Edição da Semana

Coluna
Beth Vervloet

Confira aqui as notícias da sociedade e as fotos de quem é notícia em Aracruz e região.

Fórum do Leitor

Entre e deixe o seu comentario em nosso livro de visitas!